terça-feira, 1 de outubro de 2013

Sekai Ichi Hatsukoi (anime)


Olá pessoal! Estou de volta! Como vão vocês? 

Fazia muito tempo que eu não postava uma resenha de anime por aqui, não é? 
Pois bem... Hoje, excepcionalmente, postarei a resenha de Sekai-ichi Hatsukoi, o meu primeiro anime Yaoi!


Na verdade, quando resolvi assistir Sekai-ichi Hatsukoi, eu não fazia a mínima ideia de que esse anime era um Yaoi. Apesar de que na época eu já sabia da existência desse gênero de anime, eu ainda não tinha visto nenhum, e nem tinha curiosidade de ver. Porém, houve um dia em que eu entrei no site de animes online, vi um vídeo que me chamou a atenção e por isso resolvi assistir. 

Bom, para quem ainda não conhece o gênero Yaoi, deixe-me explicar brevemente do que se trata:

Yaoi é um gênero de anime/mangá que aborda em seu enredo um romance homossexual entre dois rapazes (se for entre duas garotas, o gênero se chamará Yuri). Yaoi é considerado uma extensão do shoujo, pois nele há os mesmos elementos, porém, às vezes, com uma pitada a mais de ousadia.

Aqui no Brasil, esse tipo de gênero costuma sofrer certo preconceito, principalmente por parte do público masculino (e às vezes até do público feminino também). De qualquer forma, tudo é questão de gosto, e apesar do preconceito, temos muitos fãs de Yaoi por aqui. Eu, por exemplo, nunca pensei que fosse gostar desse gênero, mas depois que comecei a assistir, percebi que era tão bom (ou até melhor) do que muitos shoujos que existem por aí. Hoje posso dizer que sou apaixonada por Yaoi e recomendo fortemente animes desse gênero, principalmente Sekai Ichi Hatsukoi e Junjou Romantica (lembrando que essas duas séries são da mesma autora, Shungiko Nakamura).

Bom, mas agora, vamos ao que interessa!


Título: Sekai Ichi Hatsukoi
Autor: Shungiko Nakamura
Gênero: Yaoi, romance, comédia
N° de episódios: 24 (12 para cada temporada)
Emissora de TV: TV Saitama
Direção: Chiaki Kon
Estúdio: Studio Deen
Período de emissão: 9 de abril de 2011 a 25 de junho de 2011 (primeira temporada)
7 de outubro de 2011 a 23 de dezembro de 2011 (segunda temporada)


Obs.: Os nomes dos personagens serão citados da mesma forma como no Japão, ou seja, o sobrenome vem antes do nome. Ex.: Onodera Ritsu (Onodera é o sobrenome e Ritsu é o nome). Farei isso por que é mais confortável para mim, já que muitas vezes, no anime, os personagens preferem se chamar pelo sobrenome.

Obs.2: Esse é um anime de comédia romântica, então, apesar da minha resenha parecer "séria", tudo que acontece no anime tem sua dose de comédia.
Sekai Ichi Hatsukoi (O maior primeiro amor do mundo) tem como protagonista um jovem rapaz de 25 anos chamado Onodera Ritsu

Quando tinha 15 anos de idade, Onodera se apaixonou pela primeira vez por um rapaz que estudava no mesmo colégio que ele. Em consequência disso, Ritsu viveu sob o feitiço de um amor platônico por três anos, e costumava observar seu amado de longe, quando ambos iam à biblioteca. E para sentir-se mais próximo de quem ele amava, Onodera lia todos os livros que esse rapaz pegava emprestado na biblioteca, dessa forma, seus nomes sempre estariam juntos na lista de empréstimo. (que romântico!).

Depois de um tempo, quando se vê frente a frente com o seu grande amor, Onodera Ritsu não consegue resistir a acaba confessando seus sentimentos. Para sua surpresa, seu amado, Saga Masamune, aceita seus sentimentos e os dois iniciam um relacionamento.

Porém, apesar de que os dois pareciam feitos um para o outro e que estavam vivendo um grande amor, as coisas acabaram desandando por causa de um mal-entendido. Onodera passa a acreditar que Saga apenas brincou com seus sentimentos, por causa disso, ele fica traumatizado e foge.

Desde então, Ritsu fecha seu coração para o amor e jura que nunca mais irá se apaixonar novamente.

Onodera Ritsu
Passados 10 anos, Onodera Ritsu, que se tornou um editor literário, resolve sair da empresa de seu pai (uma Editora muito famosa) para provar seu valor e mostrar a todos que ele é um bom editor e que não estava em seu trabalho apenas por nepotismo. Por isso ele vai trabalhar na Editora Marukawa.

Chegando lá, Onodera descobre que ele foi transferido para o departamento editorial de mangá shoujo (Emerald). A princípio, ele fica insatisfeito e decide que não permanecerá por muito tempo nesse emprego. Porém, Ritsu começa a levar o trabalho a sério para mostrar suas habilidades ao seu novo editor-chefe, Takano Masamune, um homem irritante, exigente e charmoso que sempre o chama de “inútil”.

Geeeeente! Takano é puro charme!
E aí? Vocês preferem ele de óculos ou sem óculos?
O temido editor-chefe parece reconhecer Onodera de algum lugar, porém, Onodera insiste em dizer que nunca o viu antes, apesar de que estando perto dele, seu coração bate mais forte. Então, finalmente, Takano revela sua “verdadeira identidade” ao dizer que seu sobrenome, antes que sua mãe se divorciasse de seu pai, era Saga. Ao revelar seu antigo sobrenome, Ritsu finalmente se lembra de onde o conhecia: Masamune foi seu primeiro e único amor

Onodera fica chocado e aborrecido (é muito engraçado ver o Ritsu bravinho! kkkk). Masamune o provoca e ainda faz questão de dizer que nunca o esqueceu, e que está disposto a fazer com que ele diga que o ama novamente. E para completar a “desgraça”, os dois passam a morar em apartamentos vizinhos.

O que fazer? O que fazer? 
Resumindo: Nosso protagonista não terá nenhum momento de paz, pois Takano Masamune, o homem que está disposto a fazer de tudo para reconquistá-lo, além de ser seu chefe e seu vizinho, também foi seu primeiro amor, alguém que Onodera manteve em seu coração por 10 anos. Porém, Ritsu não quer admitir seus sentimentos, pois ele foi muito magoado no passado e tem medo que isso possa acontecer novamente.

Eu AMO os olhos de gato do Takano, é muito lindoooo!!!
É muito amor S2
O ponto mais forte de Sekai ichi hatsukoi é a forma como a autora desenvolve o romance. A comédia é ótima e deixa o anime muito mais convidativo, porém, o romance é simplesmente perfeito! (Geeente! Rola altas pegações! kkkkkk) 

Takano é meio agressivo hehehe


*0*
Acho que nenhum shoujo conseguiu me deixar tão envolvida com um romance da mesma forma que esse Yaoi me deixou. 
Além disso, o anime também mostra de uma maneira leve e cômica o funcionamento de um departamento editorial de mangás e o processo de vendas dos mesmos, algo que pode ou não ser interessante, dependendo do ponto de vista de cada espectador. Eu, particularmente, achei tudo bastante interessante.

O departamento Emerald é um LOUCURA! kkkkkk


Em Sekai-ichi Hatsukoi, temos o casal principal (Ritsu e Masamune), mas além deles também existem os casais coadjuvantes, que são:

Chiaki e Hatori

Yoshino Chiaki é um mangaka de 28 anos. Ele utiliza o nome Chiharu Yoshikawa (um nome feminino) como pseudônimo para seus mangás shoujo. 

Yoshino Chiaki
Chiaki tem dois melhores amigos, um deles é Yoshiyuki Hatori, seu amigo de infância, que tornou-se seu editor (Hatori é um dos editores da Emerald, departamento editorial de mangás shoujo da Editora Marukawa). O outro melhor amigo de Chiaki é Yanase Yuu, que o conhece desde o colegial e tornou-se um de seus assistentes (vocês conhecem a profissão assistente de mangaka, não é?).
Hatori (também conhecido como Tori)
Yanase Yuu (confesso para  vocês que às vezes eu  shippava ele com o Chiaki)
Aqui temos um triângulo amoroso formado. Hatori e Yuu são apaixonados por Chiaki, e ambos disputam sua atenção, às vezes agindo de modo suspeito, mas sem declarar seus sentimentos abertamente. Porém, Chiaki é meio “lerdo” e tira conclusões equivocadas: Ele acha que Hatori e Yuu são amantes em vez de rivais.

Chiaki é apaixonado por Hatori, mas também nutre uma grande amizade por Yuu. No começo, vemos as crises de ciúmes de Chiaki (em realação à Hatori e Yuu). E em seguida, depois que Chiaki e Hatori assumem um relacionamento, passamos a ver as crises de ciúmes de Hatori (em relação à Chiaki e Yuu), e também as crises de ciúmes por parte de Yuu (em relação à Chiaki e Hatori).

Chiaki e Hatori
Chiaki e Yuu
Esse triângulo amoroso não me cativou tanto quanto o romance de Onodera e Takano, mas ele também é muito bonito e ótimo de se acompanhar.


Shota e Kou

Kisa Shota é um rapaz de 30 anos (apesar de que sua aparência é muito jovial para sua idade) que trabalha como editor da Emerald (ele é um dos colegas de trabalho de Onodera).

Kisa é tão Kawaii *-*
Kisa é o tipo de pessoa superficial, que se apaixona facilmente pela “aparência” e não se preocupa com a personalidade. Apesar de se assumir como gay, ele nunca esteve num relacionamento sério com outro homem. Todos os seus “casos” duraram pouco tempo.

Shota se apaixona à primeira vista por Yukina Kou, um rapaz de 21 anos de idade que trabalha numa livraria e é responsável pela sessão de mangás shoujo. Yukina é muito bonito e faz sucesso com o público feminino, isso lhe ajuda com as vendas dos mangás. Ao descobrir que Kisa é o editor de suas obras preferidas e que o mesmo está interessado nele, Yukina começa a se apaixonar também. Porém, Kisa insiste que o relacionamento dos dois não vai durar muito (como os seus outros relacionamentos).

Yukina Kou
É bonito DEMAIS! *---------------*
Yukina tentará provar para Kisa que o sentimento que ambos sentem um pelo outro é verdadeiro, e que o relacionamento dos dois poderá ser duradouro.

humm... O que será que eles estão fazendo?
*0* Beijo secreto *0*
O romance de Shota e Kou é uma coisa muito fofa! Esses dois ficam perfeitos juntos! Apesar da insegurança de Shota (principalmente por causa da diferença de idade entre os dois e do fato que seus outros relacionamentos nunca deram certo), ele está sempre se deixando levar pelos encantos de Kou, e isso é lindo de se ver!


Os personagens mais odiados (por mim)

Yokozawa Takafumi


Yokozawa Takafumi é o melhor amigo de Takano e ele também trabalha na Editora Marukawa, no departamento de vendas. Takano e Yokozawa tiveram um breve relacionamento na faculdade, porém, como Takano não conseguia esquecer Onodera, esse relacionamento não deu certo e os dois resolveram ser apenas amigos. No entanto, Yokozawa tornou-se aquele tipo de amigo que sempre quis “algo mais” e não tem vergonha de admitir isso abertamente, além disso, ele se intromete na relação de Takano e Onodera, humilhando seu rival constantemente.

Por causa da proximidade de Takano e Yokozawa, Ritsu também fica enciumado e, muitas vezes, se afasta de Masamune por causa disso. Ritsu sente-se inseguro e magoado. Mesmo que Takano tente convencê-lo de que tudo ficará bem entre os dois, as palavras venenosas de Yokozawa sempre acabam tendo alguma má influência sobre as decisões do rapaz.


Kohinata An


Uma garota meiga e sensível. (apesar de estar na minha lista de “odiados”, ela é uma garota boazinha).

An é amiga de infância de Onodera Ritsu. Por causa de um acordo feito pelos pais de ambos quando os dois ainda eram crianças, eles se tornaram noivos. Kohinata é apaixonada por Ritsu e até confessou seus sentimentos para ele. Apesar de ter sido rejeitada, ela ainda manteve as esperanças de que um dia ele pudesse amá-la e até mesmo aceitar o acordo imposto por seus pais.

Algumas vezes, a gentileza de Onodera acaba confundindo An, que se sente cada vez mais apegada a ele, e isso deixa Masamune muito magoado.


Curiosidades

I - Adivinhem quem é o dublador de Takano Masamune? Vou dar duas dicas: Ele dubla o personagem masculino principal do meu anime shoujo preferido e também dubla um personagem que só de ver o nome, eu já surto por que ele é a minha idealização de homem perfeito. Já sabem quem é?

Pra quem gosta de Skip Beat e Blood +, essa foi fácil!

Konishi Katsuyuki é o dublador de Takano Masamune. Ele é um dublador muito famoso e já tem um grande histórico de personagens marcantes dublados por ele. Os meus preferidos são: Tsuruga Ren (Skip Beat) e Hagi (Blood +).



II - O meu episódio favorito de Sekai-ichi Hatsukoi é, por incrível que pareça, o último episódio da segunda temporada. Esse episódio “flashback” é muito especial pra mim, pois ele mostra os verdadeiros sentimentos de Takano na época em que ele conheceu Onodera e se apaixonou por ele pela primeira vez. 

Esse é o Takano quando era mais novinho.

III - Adoro o encerramento da primeira temporada do anime:



Bom, pessoal, vou ficando por aqui. Espero que tenham gostado dessa resenha. 

Hasta la vista!





Obs.: Os créditos das imagens e gifs presentes nessa postagem NÃO são meus. Essas são imagens e gifs aleatórios que eu coletei ao pesquisar no Google images.




25 comentários:

  1. Ultimamente tenho me interessado bastante por yaoi^^
    E eu também entrei em contato por acidente! Bom, é muito fácil fazer isso, já que yaoi é tão romântico.
    Mas eu não assisti quase nenhum anime ainda. Já ouvi falar de Junjou romantica, mas ainda sou meio insegura. Motivo: quando um mangá ou anime é yaoi, ele é mesmo yaoi, com todos os personagens, e eu acho isso meio enjoativo, exatamente como no shoujo (não gosto muito de shoujos que exploram diversos casais por isso)
    Mas esse parece legal^^ o Ritsu parece do tipo que dá piti por qualquer coisa que o deixe mais nervoso, e eu amo personagens expressivos assim!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como eu disse no início da resenha, tudo é questão de gosto. Se você já se interessou pelo gênero, acho que não vai ter problema com Sekai-ichi hatsukoi ou Junjou romantica (e pelos comentários que eu já li por aí, esses dois animes são considerados os melhores Yaois). O máximo que pode acontecer é você gostar mais de um casal do que de outro, então vai querer ver mais do seu casal preferido. Porém, todos são cativantes.

      Excluir
    2. Você precisa ler love stage *0* ,sério, é muito bom,Também conheci yaoi por acidente,mais adorei e hoje sou fujoshi de coração!!!!!

      Excluir
    3. Recomendo que leia o mangá,é tão bom quanto!!!

      Excluir
    4. Ultimamente estou afastada dos mangás, mas já assisti o anime Love Stage e é um dos meus Yaois preferidos também!

      Excluir
  2. Eu gostei muito da sua resenhe, também adoro esse anime. Estou acompanhando o manga e torcendo por uma terceira temporada ( posso sonhar, não posso?!?!) kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!
      Tbm gostaria que houvesse uma terceira temporada ^^

      Excluir
  3. Gostei bastante da sua resenha!!!! Super explicada,
    Eu já conhecia junjou romantica por cima mais nunca tive muito interesse... até que conheci o mangá de sekai ichi (nessa época nem sabia do anime) e achei bem fofo :)
    Surtei ao saber que vc gosta tanto quanto eu do Ren e do Hagi!!!
    Hagi é um amor (confesso q foi ele q deu força pra eu terminar blood +) Ahhhh Hagi!!!!!
    Ótima resenha... :)

    ResponderExcluir
  4. Também conheci o yaoi por não ter mais nenhum shoujo para ler e me apaixonei e comecei só a ler yaoi, demorei para ver anime mas o primeiro foi Junjou, e o que era aquilo?
    Na maioria dos shoujos que vi não tinha um terço do romance e do amor dessas histórias (uma das coisas que mais gosto são os pensamentos dos personagens).
    Meu primeiro yaoi foi "Só o dedo anelar sabe" recomendo muito é extremamente fofo, mas como é shounem-ai você fica esperando algo mais (nunca imaginaria que iria sentir isso, pois antes de ler eu tinha preconceito e no final acabei desejando mais) se você não leu recomendo muito e todas as histórias da Takanaga Hinako-Bukyou na Silent e Mishima Kazuhiko-Puchi no Puri, essas histórias costumam me deixar com o astral lá em cima...
    Já está ficando muito grande esse comentário...grande abraço e obrigada por me mostrar que apesar de ter quase a metade da minha idade, tem mais alguma mulher no mundo que gosta de anime, drama, yaoi, mangá, seriado (só falta ficção ciêntífica) suspirar pelos atores (mas para mim deve ser contra a lei, vivo esquecendo a idade que tenho...)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pelo comentário e pelas recomendações. E sim, sempre é possível encontrar alguém com os mesmos gostos que a gente... Isso foi algo que esse blog me ensinou, e eu fico muito feliz em ler comentários como o seu.
      Adoro ficção científica também! rsrs E suspirar por atores...Bom, imaginar e sonhar não é contra a lei, é um direito que todo ser humano tem rsrs

      Excluir
  5. Eu amei o seu resenha e o sekai ichi hatsukoi também foi o meu primeiro yaoi e quando eu comecei a ver eu fiquei "QUE ISSO" mais ai quando comecei a acompanha eu amei eu ja estou quase terminando de ver a 2 temporada e to amando. Sekai ichi hatsukoi e um anime muito emocionante e fofo quando eu termina de ver o sekai vou da uma olhadinha no Junjou
    Romantica. E tb estou torcendo para que tenha a 3 temporada de sekai ichi hatsukoi ^-^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada pelo comentário! :)
      Vamos torcer por uma terceira temporada!

      Excluir
  6. Eu sou uma fujoshi assumida. Amo todo e qualquer tipo de yaoi <3
    Confesso que acho que tem mais romance nesse tipo de gênero do que em qualquer shoujo que eu já tenho visto (Tirando Itazura na Kiss que é meu shoujo preferido apesar de ter muitas críticas a seu respeito), E confesso que vi Skip Beat só por causa da voz do Tsuruga, por que eu simplesmente amo a voz do Konishi Katsuyuki, sério essa voz seduz qualquer mulher *-*
    E eu vi que você odeia o Yokozawa, mas não sei se você já viu o especial, tipo um filme, contando a história dele, logo após ele meio que na segunda temporada deixar o caminho livre pro Onodera. Se ainda não viu veja por que você com certeza não vai mais odiá-lo, pelo menos não tanto rsrs
    Amei a postagem e fico feliz que tenha dado uma chance aos animes yaoi.
    Beijinhos <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A voz do Konishi Katsuyuki é mesmo muito seduzente >.<
      E sobre o Yokozawa, odiar assim... tipo... mas não odiar kkkk é só aquela raivinha por ele atrapalhar a relação do Onodera com o Takano rsrs Ainda não vi esse Especial, vou dar uma conferida nele!

      Obrigada pelo comentário :)

      Excluir
    2. Tambem não gostava do Yokozawa, mas depois desse especial dele com o Kirishima eu passei a gostar. Alias esse Kirishima é chefe do Mizaki de Junjou Romantica , eu acho muito bacana essa interação entre os dois animes. No primeiro ep da segunda temporada de Sekai da para ver o Misaki no trem ao lado do Onodera kkkk. <3, e tem um episodio da 3ª temporada de Junjou que o takano e o onodera passam ao lado do Mizaki e do Izaka. Quase tive um mini infarto kkkk. Amo demais essas duas series. Tomara que tenha outra temporada. Falando em voz sedutora a do Takano é lindamesmo, eu amo tambem a voz do dublador do Yuki Eiri do anime Gravitation, ele se chama Inoe Kazuhiko.

      Excluir
  7. Amo muito sekai ichi hatsukoi, Mas minha paixão é mesmo é Junjou romantica pois foi meu primeiro anime Yaoi...Adoro ver tanto animes e mangas com esse tema, apesar de me considerar uma fujoshi ainda to no armário.

    ResponderExcluir
  8. Eu amo esse anime e o mangá dele e tbm amo o Takano ele tem um jeito sedutor de ser rsrsrsrs
    Parabens amei o blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Takano é tudo de bom! hehehe

      Obrigada pelo comentário! :)

      Excluir
  9. Não faço ideia de como achei esse anime/manga perfeito <3 porque até começar a le-lo eu não curtia Yaoi + td mudou qnd comecei a ler S2 Takano é o cara adoro o jeito dele com o Onodera + tambem amo qnd o Onodera fica bravo e grita TAKANO-SAN e qnd tem aqueles ataques por conta do Takano brigar com ele é mt fofoooooooo e muito engraçado kkkkkkk os outros casais tmbm sao mt perfeitos vomitei rios de arco iris assistindo e lendo Sekai Ichi Hatsukoi, agora estou lendo Junjou Romantica + acho que Sekai Ichi HAtsukoi roubou o podio do meu ranking de Shoujos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho incrível como Yaoi consegue nos conquistar desse jeito, é muito amor! rsrs

      Excluir
  10. Eu não consigo odiar o Yokozawa. Pensa bem gente, depois que o Onodera foi embora o Takano tornou-se um bêbado promíscuo, e quem o ajudou? Seu amigo Yokozawa. E esse amigo nutria um amor por ele, mas que não era recíproco. Depois de 10 anos, o Takano está com a vida arrumada, conseguiu um ótimo emprego e você como amigo dele vê o ex-namorado que o fez sofrer voltar? Acho natural a reação dele a respeito do Onodera. É só uma questão de entender o ponto de vista do personagem.

    ResponderExcluir
  11. aiiiiiii que linda! adorei a resenha. Parabéns!
    não sabia que é o mesmo dublador do Ren e do Hagi! Tb amo eles d+
    Vc costuma ler fan fiction? Eu escrevo para alguns sites, se quiser dar uma olhada: https://spiritfanfics.com/historia/fator-ciume-7622957
    Bjao e parabéns ^^

    ResponderExcluir
  12. O Takano é lindo demais ❤ Nunca tinha visto Yaoi tbm.. Esse é o meu primeiro e simplesmente amei !

    ResponderExcluir
  13. Você devia tentar ler o mangá, se ler vai ter mais odiado aqui na lista, a se der assiste o filme do Yokozawa, nesse você vai ver o lado dele, entender um pouquinho dele, tem as lightnovels também, a que mais senti falta foi do casal Yukina e Kisa, eles bem que podiam ter uma lightnovel só deles que nem o Yoshino e o Hatori.
    Aliás se conseguir leia a lightnovel do Yokosawa ela é bem interessante mostra um novo lado dele, e é divertido ver ele com o Kirishima.
    Uma coisa eu tenho certeza, eu gostaria que tivesse pelo menos mais umas 2 temporadas desse anime, pq tipo é muito tri, e ele é divertido de assistir.

    ResponderExcluir